APDSI_ transformação digital

APDSI organiza Prémio Transformação Digital 2022 | Candidaturas abertas

Após o sucesso da primeira edição em 2021, a Associação para a Promoção e Desenvolvimento da Sociedade da Informação (APDSI), em associação e com o apoio da Oracle Portugal, deliberou instituir o "Prémio Transformação Digital", destinado a reconhecer e divulgar as melhores práticas de adoção e implementação das tecnologias de informação e comunicação (TIC), com vista a uma sociedade mais digital sustentada por instituições públicas e privadas mais eficiente e mais próximas do cidadão.

O Prémio será dividido em categorias e serão aceites candidaturas integradas numa das seguintes:

  1. Eficácia/Eficiência das Organizações

(utilização de tecnologias emergentes, IA, ML, BigData... na gestão das organizações)

  1. Proximidade com o Cidadão Sociedade mais Inclusiva

(Potenciar uma sociedade mais inclusiva ou mais próxima do cidadão usando instrumentos da Sociedade de Informação)

  1. Promoção da Sociedade mais Inovadora e Digital

(Destacar a Transição Digital das Organizações no âmbito do Portugal Digital).

O Júri será constituído por um número de personalidades de reconhecido relevo no País no setor das TIC's nomeados pela Direção da APDSI.

Os materiais associados a este Prémio, nomeadamente o Regulamento, formulário de candidatura e cronograma, poderão ser encontrados no website da APDSI.

As declarações de aceitação do Regulamento e de autorização de utilização de imagem, bem como a informação relativa ao tratamento de dados pessoais encontram-se anexas ao Regulamento.

Esta iniciativa convergirá numa cerimónia para entrega dos prémios aos 3 melhores trabalhos no final do mês de novembro de 2022.

O objetivo da APDSI nesta iniciativa é reconhecer e divulgar as melhores práticas de adoção e implementação das tecnologias de informação e comunicação (TIC)com vista a uma sociedade mais digital sustentada por instituições públicas e privadas mais eficiente e mais próximas do cidadão.

A APDSI dará sempre palco à partilha de experiências e de boas práticas.

Submissão de candidaturas até 16 de outubro de 2022 AQUI.

No site da Associação estão disponíveis todas as informações.


itSMF parceiro do IDC Directions 2022

O itSMF Portugal é parceiro da 25.ª edição do IDC Directions 2022, o principal evento de Transformação Digital em Portuga que se realiza a 28 de setembro no Centro de Congressos do Estoril.

 A pandemia acelerou o processo de transformação da sociedade e economia, pelo que as perspetivas económicas e de negócio irão manter-se incertas nos próximos anos. Também o contexto geopolítico instável causado pela guerra entre a Rússia e a Ucrânia poderá alterar todas as previsões de evolução da nossa economia e sociedade. Por isso, a edição deste ano vai discutir as principais tendências e estratégias para vingar numa economia que prioriza o digital, com foco em três vetores de discussão dedicados à indústria e ao mercado:

  • Tecnologias inovadoras escaláveis;
  • Capacidade de gerar impacto imediato nos resultados;
  • Capacidade de gerar confiança numa economia e sociedade cada vez mais digital.

A IDC é uma empresa independente de research, advisory e consultoria que faz análises de mercado de forma global e local.

Pode consultar o programa do evento aqui e inscrever-se aqui 

Para fazer a sua inscrição gratuita o código que deve utilizar é o IDCDIRECTIONS/ITSMFPT/P

itSMF Portugal – IDC Directions 2022


18.ª Conferência Anual a 11 de outubro - inscreva-se

18_CONFERENCIA ANUAL 2022_itSMF_patrocin_B

English version below

A 18.ª edição da Conferência Anual do itSMF vai realizar-se a 11 de outubro na Lispolis, em Lisboa, em formato híbrido (presencial e online).

O tema deste ano é “Confiabilidade e Agilidade da Gestão de Serviços” – dois dos aspetos centrais nos modelos de negócio atualmente, principalmente depois da alteração de paradigma a que a pandemia nos obrigou.

Será que as empresas/organizações continuam a prestar serviços com a qualidade acordada? Estarão as preocupações com a cibersegurança devidamente asseguradas a cada transação com os stakeholders? E a que velocidade tudo isto acontece?

Estas são algumas das questões que serão debatidas ao longo do dia por um conjunto de especialistas nacionais e internacionais. Estão já confirmadas as presenças de:

Rui Barroso (Diretor de Transformação Digital na Decsis) e Fernando Palma (Diretor de STSI Hospital de Évora) numa apresentação sobre “Transformação digital e gestão de serviços TI em ambiente hospitalar”;

Nelson Pita (Santa Casa da Misericórdia de Lisboa) vai falar-nos sobre “Implementação do Sistema de Gestão na Santa Casa da Misericórdia”;

Francisco Sismeiro (Incentea) fará uma apresentação sobre “ISO 20000-1 – a experiência inCentea”;

– Um dos oradores internacionais é Johann Amsenga (Convenor ISO/IEC JTC 1/WG13 – Trustworthiness) numa intervenção sobre “Trustworthiness in service delivery”;

– E ainda contamos com a presença de Javier Peris, presidente do itSMF Espanha.


Pode fazer AQUI a inscrição para o nosso grande reencontro anual.

Valor das inscrições:

Não sócios (100€ – inclui a quota de 2023)
Membros de qualquer itSMF Chapter (50€)
Estudantes não sócios (30€ – inclui a quota de 2023)
Estudantes sócios (15€)

As inscrições são válidas tanto para presencial como online. Todos os inscritos irão receber um link para assistirem remotamente, caso assim o pretendam.


The 18th edition of the itSMF Annual Conference will take place on October 11 at Lispolis, in Lisbon, both online and live.

This year’s theme is “Trustworthiness and Agility of Service Management” – two of the central aspects in business models today, especially after the paradigm shift that the pandemic has forced on us.

Do companies/organizations continue to provide services with the agreed quality? Are cybersecurity concerns properly guaranteed for each stakeholder transaction? And at what speed does all this happen?

These are some of the issues that will be discussed throughout the day by a group of national and international experts. At the moment we have confirmed the presences of:

Rui Barroso (Digital Transformation Director, at Decsis) and Fernando Palma (Director of STSI Hospital de Évora) in a presentation on “Digital transformation and management of IT services in an hospital environment”;

Nelson Pita (Santa Casa da Misericórdia de Lisboa) will talk about “Implementation of the Management System at Santa Casa da Misericórdia”;

Francisco Sismeiro (Incentea) will give a presentation on “ISO 20000-1 – the inCentea experience”;

– As an international speaker we’ll have Johann Amsenga (Convenor ISO/IEC JTC 1/WG13 – Trustworthiness) in an intervention on “Trustworthiness in service delivery”;

– And we will also have Javier Peris, presidente do itSMF Espanha.

You can register HERE for our big annual reunion.

Members of all itSMF chapters benefit a 50% discount in registration fee!

Prices:

Non associates (100€ – includes 2023 quota)
Members of any itSMF Chapter (50€)
Non associate students (30€ – includes 2023 quota)
Associate studentes (15€)

Applications are valid both in person and online. All subscribers will receive a link to watch remotely, if they wish.


25.ª edição do IDC Directions a 28 de setembro

A 25.ª edição do IDC Directions realiza-se a 28 de setembro no Centro de Congressos do Estoril.

Com o ano passado a ter estabelecido um novo paradigma social e económico, mais de 50% do PIB já está a ser influenciado pelo digital, e pela primeira vez na história verificamos uma correlação inversa entre as TI e a economia. Ou seja, mesmo com uma das maiores quebras da história no PIB, o mercado de TI continuou a crescer! Em 2020, apesar da quebra de quase 5% do PIB, o mercado de TI cresceu quase 3%, a nível mundial. Em Portugal, onde a quebra do PIB foi maior, quase 10%, o mercado de TI cresceu quase 2%.

Embora a pandemia tenha acelerado o processo de transformação da nossa economia e sociedade, as perspetivas económicas e de negócios para os próximos anos vão manter-se incertas, assim como o contexto geopolítico instável causado pela guerra entre a Rússia e a Ucrânia poderá alterar todas as previsões de evolução da nossa economia e sociedade. Mas algo parece ser certo: uma economia e uma sociedade "digital-first" já ninguém nos tira!

Neste contexto, esta 25ª edição do IDC Directions® vai discutir as principais tendências e estratégias para vingar nesta economia que prioriza o digital, com foco em três vetores:

  • 1 - tecnologias inovadoras escaláveis (SCALE);
  • 2 - capacidade de gerar impacto imediato nos resultados (IMPACT);
  • 3 - capacidade de gerar confiança numa economia e sociedade cada vez mais digitais (TRUST).

As inscrições podem ser feitas no site oficial do evento.


Nova CT de Biometria

No dia 7 de julho foi dado pontapé de saída para a nova comissão técnica de Biometria, com uma reunião preparatória, que irá acompanhar a normalização na área da Biometria e a comissão técnica internacional da JTC1 ISO/IEC SC 37.

Esta CT vai juntar-se às outras comissões técnicas do itSMF Portugal, organismo de normalização das TIC em Portugal.

Se tiver interesse em participar ou pretender qualquer outra informação, contacte-nos pelo e-mail ons@itsmf.pt.


Em junho houve HOT – Hands On Talk sobre R&D on paper and cellulose IoT devices for secure asset management and tracking

O itSMF Portugal realizou mais uma edição das conversas HOT – Hands On Talk a 21 de junho. A sessão contou com a participação de Carlos Silva, Luís Pereira e Yoni Engel, da AlmaScience, que, no âmbito dos projetos para a inovação sustentável, abordaram o tema do papel e da celulose em devices IoT no apoio ao smart packaging com recurso a RFID – Radio Frequency Identification.

O Smart Paper Ecosystem foi desenvolvido em ambiente de laboratório corporativo. A AlmaScience foi criada em 2019 e nasceu no âmbito dos laboratórios Colaborativos – associações sem fins lucrativos criadas para ajudar a eliminar um gap identificado entre o que era desenvolvido na academia e a transformação efetiva para a indústria que, depois, traz valor à sociedade.

A sustentabilidade e segurança by design são os dois principais focos da AlmaScience que tem vindo a apostar em dispositivos de IoT para darem suporte ao “embalamento inteligente”.

Yoni Engel falou sobre o embalamento conectado e inteligente, onde a embalagem é melhorada graças a uma pequena etiqueta com RFID dando a capacidade aos consumidores de interagirem com a embalagem num ambiente digital.

Quando estiver totalmente disponível e funcional, este método assente em etiquetas com RFID vai ter um custo muito aproximado ao da impressão de um simples QR Code em autocolante. No quotidiano, teremos prateleiras inteligentes, capazes de lançar alertas sobre a aproximação da data limite de consumo de um determinado produto.

Aqui está o documento que resume o encontro.

O vídeo está disponível no canal de YouTube do itSMF Portugal.


Vasco Vaz no IT2TA de maio: "o processo de análise e gestão de risco é fundamental"

No dia 24 de maio, o itSMF Portugal realizou mais uma edição do It’s Time To Talk About, subordinada ao tema “Edificação do Quadro Nacional de Certificação em Cibersegurança“.

O nosso orador convidado da sessão IT2TA, Vasco Vaz, é consultor no Centro Nacional de Cibersegurança, desde 2020.

O CNCS foi criado em 2014 e é a Autoridade Nacional de Cibersegurança que promove um uso do ciberespaço de forma livre, confiável e segura, nomeadamente através de mecanismos de cooperação nacional e internacional para a criação de políticas públicas que conduzam ao cumprimento do seu objetivo primordial. As pessoas são o principal fator de preocupação e foco com a sensibilização e com a capacitação em matéria de cibersegurança.

Na área das políticas públicas, o CNCS desenvolve várias diretivas e quadros de referência para as organizações implementarem soluções de cibersegurança em fases diferentes.

Quais são os objetivos de obter um certificado em cibersegurança? Atestar a conformidade da implementação das medidas estabelecidas contra ameaças e ajudar a cumprir com as exigências legais para prevenir e resolver incidentes de cibersegurança. “O processo de análise e gestão de risco é fundamental e tem de ser feito logo no início para as organizações perceberem os riscos a que estão expostas e perceberem do que necessitam em termos de medidas complementares”, nota Vasco Vaz.

Aqui está o documento que resume o encontro.

O vídeo está disponível no canal de YouTube do itSMF Portugal.


HOT de junho: R&D on paper and cellulose IoT devices for secure asset management and tracking

No dia 21 de junho, o itSMF Portugal realiza mais uma edição das HOT – Hands On Talk, com o tema “R&D on paper and cellulose IoT devices for secure asset management and tracking”.

A sessão vai contar com a participação de Carlos Silva, Luís Pereira e Yoni Engel, da AlmaScience, que, no âmbito dos projetos para a inovação sustentável, irão abordar o tema.

O momento de debate promete ser palco para uma reflexão sobre os IoT devices, a prática com papel a partir da celulose, os projetos de R&D e as aprendizagens resultantes deste processo, incluindo respostas a eventuais questões da audiência.

Contamos com a sua participação para enriquecer o debate e contribuir para um maior esclarecimento das questões que aqui se levantam.

As inscrições, gratuitas, mas obrigatórias, podem ser feitas aqui.

Agenda:
18:00 | Abertura
Daniela Azevedo, Communications Manager

18:05 | TR&D on paper and cellulose IoT devices for secure asset management and track & trace
Carlos Silva – President & CEO @ ALMASCIENCE,
Luís Pereira – Scientific and Technical Director @ ALMASCIENCE, e
Yoni Engel – Sustainable and Smart Paper Solutions. VP BIZ-DEV @ Almascience

18:15 | Debate e Q&A
Carlos Silva, Luís Pereira, Yoni Engel e António Bento, Board Member @ itSMF Portugal

19:00 | Encerramento
Daniela Azevedo

 

Patrocinadores Platinum

 

DECSIS     e     


IT2TA de maio: Edificação do Quadro Nacional de Certificação em Cibersegurança

No dia 24 de maio, o itSMF Portugal realiza mais uma edição do It’s Time To Talk About, subordinada ao tema “Edificação do Quadro Nacional de Certificação em Cibersegurança“.

O nosso orador convidado da sessão IT2TA, Vasco Vaz, é consultor no Centro Nacional de Cibersegurança, desde 2020.

Vasco Vaz irá falar-nos sobre:

1. Centro Nacional de Cibersegurança – certificação
o Atividades do CNCS, com enfoque na área da certificação

2. Enquadramento europeu para a certificação da cibersegurança
o Objetivos, Conceitos e Esquemas europeus de certificação da cibersegurança

3. Quadro Nacional de Certificação da Cibersegurança – Modelo de Governação e Decreto Lei 65/2021
o Papéis, funções e atribuições no contexto nacional e esquemas de certificação nacionais

O nosso debate final servirá como um momento de reflexão sobre o tema, a prática, os projetos e as aprendizagens resultantes, incluindo respostas a eventuais questões da audiência.

Contamos com a sua participação para enriquecer este debate.

As inscrições, gratuitas, mas obrigatórias, são feitas aqui.

Agenda:

18:00 | Abertura
Daniela Azevedo, Communications Manager

18:05 | Edificação do Quadro Nacional de Certificação em Cibersegurança
Vasco Vaz – Consultor @ CNCS

18:35 | Debate e Q&A
Vasco Vaz e António Bento, Board Member @ itSMF Portugal

19:00 | Encerramento
Daniela Azevedo


IT2TA_mar_ESPAP_topo

No IT2TA de abril falou-se de Serviços Partilhados TIC - Do bazar ao mercado gourmet de serviços

IT2TA_mar_ESPAP_topo

A 28 de abril o itSMF Portugal realizou mais uma edição do”It’s Time To Talk About”. O tema desta sessão foi “There is no such thing as a commodity. All goods and services are differentiable | Serviços Partilhados TIC – Do bazar ao mercado gourmet de serviços” e contou com a participação de Fátima Santos, Diretora da Área de Infraestruturas de Tecnologias de Informação e Comunicação @ ESPAP, IP.

“Temos como princípio a criação de valor para o Estado e a prevalência do interesse público, através da eficácia e eficiência dos nossos serviços”, enquadrou Fátima Santos. A eSPap presta serviços a todos os organismos da Administração Pública e também serviços internos através da gestão das plataformas de recursos humanos e de compras públicas.

Os clientes e organismos que estão a crescer procuram a eSPap, essencialmente, pela cadeia de valor, ou seja, infraestrutura as a service  e hoje a procura divide-se entre clientes que pedem gestão de plataformas aplicacionais, e outros que querem alojar serviços em cloud pública, não tendo eles próprios conhecimento ou capacidade para o fazer.

Aqui está o documento com o resumo do encontro.

O vídeo já está no canal de YouTube do itSMF Portugal.